25 abril 2016

Resenha: A Seleção – Kiera Cass

Uma das minhas últimas compras literárias foi a trilogia “A Seleção”, sempre gostei muito de livros que se tratam de reinos e amores eternos, no momento da compra fiquei meio receosa se valia realmente a compra dos livros ou baixar um ebook aqui da internet, mas como já estava querendo os livros há muito tempo os comprei mesmo.


A resenha de hoje vai ser apenas sobre o primeiro livro para o post não ficar muito longo, mas nos próximos dias público as resenhas dos outros dois da trilogia e também do “A Herdeira” sim eu já comprei e devorei haha.

A Seleção faz parte da trilogia escrita por Kiera Cass. Este primeiro livro, foi lançado em 24 de abril de 2012 nos Estados Unidos. E a história se passa em um país chamado Illéia, onde existe uma monarquia no qual o país é dividido em oito castas, seguindo a ordem que as pessoas pertencentes a casta um é a família real e quanto as pessoas da casta oito é composta por deficiente, refugiado, fugitivos e sem-tetos.

A protagonista da história é America Singer, uma garota da casta cinco, que vive com a sua família é ama música. Eles são todos artistas, America e sua mãe se apresentam em festas e em casamentos, trabalhando para castas superiores, enquanto seu pai é pintor e dedica-se horas de trabalho em suas pinturas.


Logo no início da história américa se apresenta envolvida em um relacionamento proibido, pois ela é apaixonada por Aspen, um garoto da casta seis e por ser de uma casta inferior, o namoro de Aspen e America tem que ser escondido e eles mantem a relação já por dois anos. Mas o destino muda no momento que America recebe uma carta convidando-a para participar da Seleção.

America não queria se inscrever, pois seu coração pertencia a Aspen. Este concurso significava para ela deixar para trás Aspen, o rapaz que realmente amava e que está uma casta abaixo dela. Significava abandonar sua família e seu lar para entrar em uma disputa por uma coroa que não desejava e viver em um palácio sob constante ameaça de rebeldes. Porém, as 35 garotas que fossem selecionadas iriam morar no castelo durante o concurso e suas famílias também seriam recompensadas com pagamentos mensais. Então America depois de muito pensar, e também pela insistência de sua mãe percebeu que A Seleção seria uma espécie de oportunidade para ajudar sua família a sair daquelas condições que se encontravam.

Em uma noite assistindo TV com a sua família, logo após a inscrição America foi anunciada como uma das escolhidas para participar do concurso no Jornal Oficial de Illéia. Já no palácio o primeiro encontro entre Maxon e America foi a parte que mais gostei do livro, pois conforme ela tinha planejado ela foi descarada e falava o que vinha na mente, o seu principal objetivo ali era permanecer no concurso, mais sem ser uma das escolhidas, ela conseguiu se tornar amiga de maxon a ponto de conta-lhe que já teve um relacionamento.

 A cumplicidade dos dois começa nesse primeiro encontro. Ao saber que América teve um relacionamento no passado, Maxon diz que não irá mandá-la embora (até que ela peça) para que possa se manter longe de Aspen e superar a dor de cotovelo. Em contrapartida, América promete passar um dossiê das garotas mais legais que estão participando da Seleção. E então temos a chance de conhecer o dia-a-dia das garotas envolvidas na seleção.


Para mim este livro me cativou desde a primeira página, eu li ele em 4 dias, e não perdi tempo para começar os outros, para quem gosta de romance é um livro ótimo, pois tem muitos detalhes dos pensamentos de America e como ela começa a gostar mesmo sem saber do príncipe Maxon. Contei muitas coisas aqui, mas não todos os detalhes do livro, deixei os melhores para quem ainda não leu descobrir por si só!

Quem já leu o livro A Seleção? Gostou também? Comentem!

13 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Eu tô com muita vontade de comprar a trilogia completa, mas recentemente compre o box de Fallen, minha mãe não deixa eu gastar tanto dinheiro no mês -haha-. Comecei a lê-lo em e-book, mas prefiro millll vezes tê-lo em minhas mãos.

    Beijos.

    myuniversoparticular.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poder sentir o cheirinho dos livros é um delicia, com certeza a versão impressa é mil vezes melhor mesmo.

      Beijoss

      Excluir
  3. Não li ainda e fiquei interessada lendo a resenha. Amo romance!

    Bjos,
    http://contosdacabana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Não li ainda e fiquei interessada lendo a resenha. Amo romance!

    Bjos,
    http://contosdacabana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Respostas
    1. Ai que legal :D

      Estou apaixonada pela trilogia Ana.

      Beijoss

      Excluir
  6. Não li até o final o post porque tinha um pouquinho de spoiler kkk. Mas já estou baixando pra começar a ler. Se gostar, vou comprar o livro, que é mais gostoso de ler. Amei a resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem só um pouquinho hahaha, juro que mas próximas não faço ;)

      Beijoss

      Excluir
  7. Gosto deste tipo de livro... vou colocar na minha lista!!

    www.carolvayda.com.br

    ResponderExcluir